Vinho Argentino Bodega Privada Blend Tinto 2015

Bodega Privada Blend Tinto safra 2015

Ref.: 444 Compra Segura

Vinho Argentino Bodega Privada Blend Tinto 2015
Produzido com as uvas tempranillo , malbec , bonarda e bonamico. Vinho tinto meio seco apresenta um intenso sabor de ameixas e frutas secas com final adocicado. Um vinho muito leve e fácil de beber.

R$ 33,00 Em até 3x de R$ 11,00 sem juros

Escolha uma opção

Produto indisponível

Compartilhe

Vinho Argentino Bodega Privada Blend Tinto 2015

Apresenta um intenso sabor de ameixas e frutas secas com final adocicado. Um vinho muito leve e fácil de beber.

Uva: Tempranillo, Malbec, Bonarda e Bonamico

Safra: 2015

Pais: Argentina

Cor: Vermelho intenso.

Aroma: Frutas vermelhas madura.

Degustação: Intenso sabor de ameixas e frutas secas com final adocicado.

Teor Alcoólico: 12,800%

Tinto

Blend

Bonamico

Uva da variedade Bonamico

Conhecida também como Canaiolo Romano, Bonamico é uma variedade de uva vermelha italiana que é cultivada na província de Pisa, na Toscana.

Alguns especulam que a uva pode ter se originado em torno da cidade de Palaia com a uva sendo conhecida sob o sinônimo de Uva di Palaia.

Embora seja frequentemente usado como uva de mesa, o Bonamico pode ser um componente de mistura menor em vários vinhos Denominazione di Origine Controllata (DOC) e Indicazione Geografica Tipica (IGT) da Toscana, contribuindo frequentemente com notas de aroma floral e acidez.

Bonarda

Uva da variedade Bonarda

A uva Bonarda Piemontesa, que historicamente era usada para deixar os taninos da casta Nebbiolo mais macios e conferir mais fruta aos vinhos mais duros do Piemonte, não tem relação com a uva Bonarda encontrada na Argentina.

Na verdade, a casta Bonarda argentina é a uva Douce Noire, originária da Saboia, na França.

Por ter características semelhantes à Bonarda Piemontesa, até na França se acreditava que a uva era originária do Piemonte, mas estudos de DNA mostraram que trata-se de uma variedade distinta de casta.

A uva Bonarda possui cachos bem cheios, compactos e médios. Com cor bem escura (preto azulado), os bagos da casta possuem polpa macia e formato de esfera.

A uva Bonarda, antigamente era utilizada somente em cortes, para propiciar maior equilíbrio na acidez dos tintos.

Hoje, já é possível achar varietais da casta ou bi-varietais, sendo muito utilizada na elaboração de vinhos com a casta Malbec e a uva Syrah.

Hoje, a casta existe em minúsculas quantidades na França e nos Estados Unidos, mas a Argentina conta com quase 19.000 hectares plantados, onde é identificada como Bonarda.

Os vinhos argentinos em geral são leves, frutados e fáceis de serem bebidos.

Alguns produtores elaboram vinhos com vinhas de baixos rendimentos e uvas colhidas mais maduras.

O resultado são vinhos profundos, com boa capacidade de envelhecimento.

É uma interessante alternativa à casta Malbec,

oferecendo um prazer mais imediato. Para acompanhar a degustação e apreciação das características e qualidades específicas que a casta Bonarda adiciona aos vinhos, os tintos devem ser harmonizados com refeições moderadamente condimentadas ou levemente apimentadas, exaltando o sabor e as peculiaridades da uva Bonarda utilizada na elaboração de vinhos tintos excelentes.

Utilizada na elaboração de excelentes vinhos, a uva Bonarda está presente no “Tikal Patriota 2012”, tinto produzido por Ernesto Catena.

O vinho tinto argentino recebeu 92 pontos de Robert Parker na safra de 2011. Constituído de 60% de casta Bonarda e 40% de uva Malbec, o vinho é elaborado com uvas de vinhedos bastante antigos, resultado em um vinho tinto complexo, concentrado, fino e exuberante.

O vinho apresenta excelente qualidade aliada com preço.

Malbec

Uva da variedade Malbec

Também conhecida como Auxerrois ou Côt Noir em sua terra natal, Cahors (região quente localizada no sudoeste da França), a uva Malbec é ainda hoje a grande estrela da região fazendo vinhos tintos interessantes, austeros, escuros, aromáticos e muito agradáveis, normalmente produzidos com corte de sua casta (mínimo 70%), sua prima Tannat e Merlot.

A uva Malbec possui cacho de tamanho médio com bagos em formato de esfera.

A casta apresenta polpa macia e cor preta azulada.

Os vinhos produzidos com a casta Malbec apresentam cor vermelho púrpura, sendo essa extremamente intensa.

A casta foi amplamente utilizada em Bordeaux, onde recebeu o nome de Malbec, até meados do século 20 (perdendo espaço para Merlot e Cabernet Franc).

Hoje, entra em proporções minoritárias em alguns cortes dessa região.

A casta Malbec alcançou sua grande consagração na Argentina, onde produz alguns vinhos tintos excelentes, muito ricos e concentrados, com um caráter macio e cheio de fruta.

Os grandes Malbec argentinos são criação de Nicolás Catena Zapata (produtor da região de Mendonza), que realizou a seleção clonal científica desta variedade nos anos 90, dando origem a exemplares bem mais finos, macios, concentrados, de qualidade muito superior aos rústicos vinhos que antes eram elaborados com ela.

A uva Malbec também pode ser encontrada na Itália, Chile, Austrália e outros países do Novo Mundo.

Os vinhos produzidos com a casta Malbec na Argentina são excelentes para harmonização com cogumelos, carré de cordeiro com crosta de ervas e pato confit.

Já os que contam com produção na terra natal da casta Malbec, Cahors, são ideais para serem degustados e apreciados na companhia de um cassoulet.

Tempranillo

Grande uva ibérica, a casta Tempranillo gera vinhos tintos maravilhosos na Espanha, onde aparece também como Tinto Fino e Tinta del Pais. É a principal responsável pelos grandes rótulos da Rioja, Ribera del Duero e Toro, entre outras regiões. Seu nome Tempranillo faz referência ao seu brotamento precoce, amadurecimento rápido e crescimento curto. Traduzida do espanhol, sua denominação foi inspirada na palavra cedo (temprano). A casta Tempranillo possui cachos médios de tamanho compacto, com bagos de coloração negra brilhante e de formato cilíndrico. A uva se adapta bem a climas frios, sendo melhor cultivada em solos argilosos ou rochosos. Sendo versátil, a casta Tempranillo pode ser utilizada na vinificação sozinha (varietal) ou em corte, compondo tintos de ótima qualidade com SyrahGarnacha, Cabernet Sauvignon ou MazueloEm Portugal, onde atende pelo nome de Tinta Roriz no Douro e Aragonez no Alentejo, essa uva também é bastante requisitada, compondo ótimos vinhos. Produz tintos encorpados e de boa estrutura, muito saborosos, perfeitos para o envelhecimento em carvalho, com coloração intensa, aromas marcantes e um retrogosto bastante longo. Seus vinhos podem durar muito tempo. A uva Tempranillo tem chamado a atenção de produtores australianos, encontrando-se na Argentina uma versão dessa uva que costuma dar origem a vinhos leves, macios e com aromas de frutas de bosque. Os vinhos tintos produzidos com a casta Tempranillo são excelentes para serem degustados sozinhos, mas acompanham muito bem alguns pratos. Para melhor exploração e degustação dos sabores marcantes dos vinhos produzidos com a casta Tempranillo, harmonize o tinto com pratos indianos, queijo de massa mole (brie ou camembert), carnes grelhadas, paleta de cordeiro com ervas, carnes defumadas e pratos típicos do Norte da Espanha, como carne de javali. 

Recebendo 95 pontos de Robert Parker e elogios de Jancis Robinson que o indicou como o melhor vinho do Toro que já tomou, o Pintia 2010 do produtor Bodegas Pintia é elaborado com 100% de casta Tempranillo, sendo indicado no ano de 2003 pelo respeito “El Mundo” como o melhor vinho de Toro da safra. O tinto idealizado com a casta 

Argentino

Os vinhos argentinos têm chamado atenção de críticos e apreciadores da bebida.

O motivo? A Argentina é o quinto maior produtor de vinhos do mundo, além de ser a região vinícola de maior destaque e prestígio em toda América do Sul.

2015

Colheita das uvas e produção do vinho na safra 2015

750 ml

Tamanho da garrafa 750 ml - Padrão

Produtos Relacionados

Chryseia Blend Tinto 2012

R$ 920,00

3x de R$ 306,67 S/ JUROS

Sophenia Reserve Malbec Tinto 2011

R$ 129,90

3x de R$ 43,30 S/ JUROS

Punto Maximo Gran Reserva Bonarda Tinto 2013

R$ 76,90

3x de R$ 25,63 S/ JUROS

Dona Paula Los Cardos Tinto Malbec 2015

R$ 59,90

3x de R$ 19,97 S/ JUROS

Receba nossas ofertas e novidades