Vinho Argentino Sophenia Synthesis Tinto Malbec 2010

434

Por: R$ 251,00

R$ 238,45 (com 5% no boleto à vista)

em até 2x de R$ 125,50 sem juros no cartão

Frete
Compartilhe:
Um intenso e estruturado Malbec elaborado a partir de vinhedos plantados a 1200 metros acima do nível do mar. Este tinto revela boa complexidade aromática, destacando-se por notas de frutas vermelhas maduras e toques de chocolate. Em boca é sedoso e elegante, ideal para acompanhar pratos intensos, como churrasco, carnes de caça e cordeiro. Um dos vinhos de destaque da Finca Sophenia, por seu ótimo potencial de guarda e elegância
  • País: Argentina
  • Região: Tupungato
  • Safra: 2010
  • Tipo: Tinto
  • Uva: Malbec
  • Volume: 750 ml
  • Teor alcoólico: 14.0000%
  • Temperatura de serviço: 16,0ºC a 18,0ºC
  • Combinações enogastronômicas: Carnes vermelhas grelhadas com molhos de média intensidade, preparações à base de carnes de caça, embutidos e queijos maduros.
  • Validade: Válido por tempo indeterminado desde que guardado em local seco e ao abrigo da luz.
  • Vinícola: Finca Sophenia
  • Maturação: 12 meses em barricas novas de carvalho francês e afinamento em garrafa durante 6 meses.
  • Família: Vinho Fino
  • Estilo: Seco
  • Coloração: Tinto
  • Sommelier: Notas de Prova - Sophenia Synthesis Malbec: Cor vermelha intensa com notas violetas marcadas. Uma expressão aromática intensa, notas florais como violetas, rosas e especiarias como pimenta preta combinada com frutos vermelhos maduros, ameixas e cerejas. O seu envelhecimento em barricas de carvalho francês confere-lhe elegantes aromas a fumo e tabaco combinados com notas de chocolate. O palato apresenta um começo doce e generoso, paladar completo e concentrado, com final persistente e grande elegância.

Finca Sophenia

Finca SOPHENIA é uma vinícola argentina reconhecida como um dos produtores de vinho da mais alta qualidade na Argentina. Para atingir este objetivo, Roberto Luka escolheu Gualtallary, Tupungato, Mendoza, uma das áreas mais prestigiadas para produzir vinhos de alta qualidade. O resultado foi absolutamente gratificante e os vinhos já foram elogiados por críticos da Europa, América e Ásia.

Os vinhos começaram a ser vendidos em 2004 e atualmente são encontrados em mais de 25 países.Seguindo a visão de Roberto Luka, Finca SOPHENIA realizou seu sonho: elaborar vinhos magníficos, em um terroir genuinamente único, localizado no sopé dos Andes. Dotada de um perfil arquitetônico único, a vinícola contém a mais recente tecnologia de recepção, moagem, prensagem e vinificação importada da França.

Finca SOPHENIA se estende por 130 hectares da melhor terra intacta nesta parte do mundo. O solo é francoarenoso pedregoso e excelente drenagem. A vinha foi implantada com clones franceses selecionados, enxertados em pé americano, das variedades Cabernet Sauvignon, Merlot, Chardonnay e Sauvignon Blanc. Um setor da vinha foi reservado para plantas de Malbec cultivadas em Mendoza, clones de baixa produtividade escolhidos por sua propriedade aromática e cujas estacas vêm dos vinhedos mais representativos desta região única, na qual o Malbec atinge sua máxima expressão. A água de irrigação vem do derretimento dos Andes e o sistema que a distribui foi projetado para obter pequenos frutos e pouca produção por hectare para que os vinhos sejam de longa duração, de grande complexidade e alta concentração de frutos.

Malbec

Também conhecida como Auxerrois ou Côt Noir em sua terra natal, Cahors (região quente localizada no sudoeste da França), a uva Malbec é ainda hoje a grande estrela da região fazendo vinhos tintos interessantes, austeros, escuros, aromáticos e muito agradáveis, normalmente produzidos com corte de sua casta (mínimo 70%), sua prima Tannat e Merlot. A uva Malbec possui cacho de tamanho médio com bagos em formato de esfera. A casta apresenta polpa macia e cor preta azulada. Os vinhos produzidos com a casta Malbec apresentam cor vermelho púrpura, sendo essa extremamente intensa. A casta foi amplamente utilizada em Bordeaux, onde recebeu o nome de Malbec, até meados do século 20 (perdendo espaço para Merlot e Cabernet Franc). Hoje, entra em proporções minoritárias em alguns cortes dessa região. A casta Malbec alcançou sua grande consagração na Argentina, onde produz alguns vinhos tintos excelentes, muito ricos e concentrados, com um caráter macio e cheio de fruta. Os grandes Malbec argentinos são criação de Nicolás Catena Zapata (produtor da região de Mendonza), que realizou a seleção clonal científica desta variedade nos anos 90, dando origem a exemplares bem mais finos, macios, concentrados, de qualidade muito superior aos rústicos vinhos que antes eram elaborados com ela. A uva Malbec também pode ser encontrada na Itália, Chile, Austrália e outros países do Novo Mundo. Os vinhos produzidos com a casta Malbec na Argentina são excelentes para harmonização com cogumelos, carré de cordeiro com crosta de ervas e pato confit. Já os que contam com produção na terra natal da casta Malbec, Cahors, são ideais para serem degustados e apreciados na companhia de um cassoulet. Considerado um dos melhores vinhos de Catena Zapata, o grande produtor argentino da região de Mendonza que utiliza com maestria a casta Malbec, o “DV Catena Malbec-Malbec 2012” é uma das estrelas da linha premium do produtor, mostrando grande complexidade. O vinho tinto esbanja uma cativante fruta, com ótima profundidade de sabor. No palato é longo e saboroso, evidenciando e mostrando porque desde o seu lançamento é considerado um dos melhores vinhos tintos produzidos com a casta Malbec da região da Argentina e do produtor Catena Zapata.

Tupungato

A região é constituída pelos departamentos de TunuyánTupungato e San Carlos, no Centro-Oeste Mendoza. Las altitudes as vinhas de Uco Vale podem descer desde 1.500 metros em o Velho Tupungato, até 860 metros acima do do nível do mar, na cidade de Tunuyán. O clima é temperado, com invernos frios e verões quentes com noites frias. A temperatura média anual é de 14 ° C. Ele tem cerca de 13.000 hectares de vinhedos ao pé da Cordilheira dos Andes. 

A região é caracterizada por sua capacidade de produzir uma matéria-prima de qualidade, a obtenção de ambos vinhos, brancos e tintos e boa acidez, que permite obter vinhos adequados para o envelhecimento prolongado. 
Os cepajes brancos mais desenvolvidos na região são: ChardonnaySemillonTorrontés. Entre os tintos são destacados as variedades de MalbecMerlot, Cabernet Sauvignon, Tempranillo e Bonarda. Nas mais elevadas areas,  as condições são apropriados para maturação de Pinot Noir e Syrah. 
Além da indústria do vinho, outras atividades econômicas, como a fruticultura, especialmente nozes, peras, maçãs e pêssegos, horticultura, criação de animais e cultivo de choupos, ulmeiros e outras espécies florestais.

0 AVALIAÇÕES - 0.00 DE 5 ESTRELAS

  • Ótimo:

    0.0%

  • Muito bom:

    0.0%

  • Bom:

    0.0%

  • Não gostei:

    0.0%

  • Péssimo:

    0.0%

Avalie este produto:

Avaliar