Vinho Chileno Casa Marchigüe Chardonnay Branco 2011 375 ml

709

Por: R$ 25,00

R$ 23,75 (com 5% no boleto à vista)

em até 1x de R$ 25,00 sem juros no cartão

Frete
Compartilhe:
  • País: Chile
  • Região: Valle de Colchagua
  • Safra: 2011
  • Tipo: Branco
  • Uva: Chardonnay
  • Volume: 750 ml
  • Teor alcoólico: 13.5000%
  • Validade: Validade indeterminada desde que conservado com a sua vedação original em local seco e fresco ao abrigo da luz, sem trepidações, com temperatura constante, sem odores fortes e preferencialmente na posição horizontal.
  • Vinícola: Viñedos Errazuriz Ovalle S/A
  • Família: Vinho Fino
  • Estilo: Seco
  • Coloração: Branco
  • Sommelier: Notas de Prova - Casa Marchigüe Chardonnay: Cor amarelo ouro. Aromas de frutas como banana e melão, notas de mel e baunilha. Na boca é untuoso, com boa presença da madeira, acidez discreta e um final ligeiramente amargo.

Viñedos Errazuriz Ovalle S/A

Fundada em 1992 a Vinhedo Errazuriz Ovalle S/A é a maior empresa familiar de vinhedos e bodegas do Chile. Localizada no Valle de Colchagua e Lontue os campos dos Vinhedos da Errazuriz Ovalle cobre uma extensão de 2500 hectares. Com vinhedos cuidadosamente irrigados por gotejamento, 2000 hectares destes vinhedos estão localizados nos Valles de Colchagua, que pertencem à família a mais de cem anos. As terras de Marchigüe que estão localizadas nos Valles de Colchagua fazem parte de uma área privilegiada com clima extraordinário e solos propícios ao cultivo da uva. No Valle de Colchagua são produzidos 14 diferentes tipos de uvas que foram plantadas no início de 1994 e agora se encontram em sua máxima produção. Os esforços da família Errazuriz Ovalle transformavam os solos de baixo valor comercial num verdadeiro núcleo de prosperidade e fonte de trabalho para milhares de pessoas, dando continuidade a uma tradição familiar que contribuí para o progresso do Chile.

Chardonnay

Valle de Colchagua

Videiras centenárias e fazendas encantadoras formam a paisagem deste bonito vale ao sul da capital chilena, uma das zonas agrícolas mais promissoras do país.

Os produtores do Valle de Colchagua, interessados em obter vinhos da mais alta qualidade, vêm utilizando sofisticadas técnicas de manuseio dos vinhedos, incluindo o mapeamento por satélite, o plantio em encostas e o uso de clones.

Ao que parece, acertaram. Os rótulos que nascem ali são cada vez mais premiados. O Colchagua, que significa “pequenas lagunas” em mapuche, tem a mais bem organizada rota de vinho do país, que inclui uma divertida excursão com o Tren del Vino, uma locomotiva que faz a delícia dos turistas mais nostálgicos.

COMO CHEGAR

Partindo da capital Santiago, há trens da Ruta Del Vino que chegam até a região pelo menos um sábado por mês. Os trens convencionais da Terrasur levam o turista até a cidade de San Fernando, de onde é possível pegar um táxi até as atrações locais.

ATRAÇÕES

As vinícolas são o principal atrativo da região. Os passeios pelos parreirais são guiados, com degustação inclusa. A estrutura das bodegas inclui restaurante, onde é possível almoçar enquanto se prova os rótulos. A Casa Silva, por exemplo, é totalmente voltada para a atividade familiar, além de ser considerada a mais antiga da região. Um de seus grandes atrativos é a coleção de carros antigos exposta na propriedade.

Na Casa Lapostolle, a chave é a sofisticação, com práticas sustentáveis durante o processo de produção dos vinhos. Há, ainda, outras opções como a Santa Cruz, a Viu Manent e a Caliterra.

0 AVALIAÇÕES - 0.00 DE 5 ESTRELAS

  • Ótimo:

    0.0%

  • Muito bom:

    0.0%

  • Bom:

    0.0%

  • Não gostei:

    0.0%

  • Péssimo:

    0.0%

Avalie este produto:

Avaliar