Vinho Espanhol Gonzalez Byass Tio Pepe Branco 750 ML

2187

Por: R$ 105,90

R$ 100,61 (com 5% no boleto à vista)

em até 1x de R$ 105,90 sem juros no cartão

comprar
Frete
Compartilhe:

Confira a pontuação

  • Medalha
  • -
  • País
  • Espanha
  • Vinícola
  • González Byass
  • Safra
  • -
  • Reconhecimento
  • Gran Bacchus de Oro
  • Concurso
  • Concurso Bacchus 2010, Madri
  • Ano
  • 2010
  • Medalha
  • Ouro
  • País
  • Espanha
  • Vinícola
  • González Byass
  • Safra
  • -
  • Reconhecimento
  • -
  • Concurso
  • Zarcillo, Espanha
  • Ano
  • 2009
  • Medalha
  • -
  • País
  • Espanha
  • Vinícola
  • González Byass
  • Safra
  • -
  • Reconhecimento
  • -
  • Concurso
  • 1º Lugar no La Nariz de Oro 2008, Espanha
  • Ano
  • 2008
  • Medalha
  • Ouro
  • País
  • Espanha
  • Vinícola
  • González Byass
  • Safra
  • -
  • Reconhecimento
  • -
  • Concurso
  • "Best Value" no Vinordic 2008, Estocolmo
  • Ano
  • 2008
  • Medalha
  • Prata
  • País
  • Espanha
  • Vinícola
  • González Byass
  • Safra
  • -
  • Reconhecimento
  • -
  • Concurso
  • Decanter World Wine Awards 2007, Inglaterra
  • Ano
  • 2007
Criado por volta de 1840 para homenagear o tio materno, importante figura da vida do fundador, o Tio Pepe foi a primeira marca formalmente registrada da Espanha. Hoje, está presente em mais de 110 países e, decerto, é uma das marcas mais famosas da Espanha. Muito versátil, é o vinho perfeito para acompanhar os mais diversos pratos da cozinha ibérica.
  • País: Espanha
  • Região: Jerez
  • Tipo: Branco
  • Uva: Palomino Fino
  • Volume: 750 ml
  • Teor alcoólico: 15.0000%
  • Temperatura de serviço: 4,0ºC a 7,0ºC
  • Combinações enogastronômicas: Delicioso com aperitivos, entradas e sopas, todos os tipos de frutos do mar, sushis e sashimis, aves, presuntos e queijos suaves.
  • Validade: Validade indeterminada desde que conservado com a sua vedação original em local seco e fresco ao abrigo da luz, sem trepidações, com temperatura constante, sem odores fortes e preferencialmente na posição horizontal.
  • Vinícola: González Byass
  • Vinificação: Clássico método de Jerez, com fermentação alcoólica total em tanques de aço inoxidável com controle de temperatura, seguida de fortificação (adição de aguardente vínica).
  • Maturação: 4 anos em grandes tonéis de carvalho no sistema de criaderas y solera.
  • Família: Vinho Licoroso
  • Estilo: Seco
  • Coloração: Branco
  • Sommelier: Notas de Prova - Tio Pepe Branco: Cor: amarelo-palha com reflexos esverdeados, límpido e brilhante. Aroma: aromas intensos de pêra, flores brancas, amêndoas e pão. Sabor: na boca é potente, muito seco, com acidez viva, sabores de frutas secas e longa persistência.
  • Acidez total: 3,5 g/l.
  • PH: (pH 3,00)

González Byass

A vinícola do Tio Pepe, símbolo da Espanha.

Em 1835, o jovem Manuel Maria González Angel, incentivado por seu tio José Angél de La Peña (carinhosamente chamado de “Tio Pepe”) chegou à cidade de Jerez (Andalucía, sul da Espanha) disposto a conquistar seu espaço no pujante negócio de vinhos de Jerez.

Animado pelas crescentes exportações, adquiriu naquele ano uma pequena bodega e começou a elaborar e exportar seus próprios vinhos. Vinte anos depois, em 1855, diante do crescente êxito de sua empresa, Manuel Maria González decidiu associar-se a seu importador inglês, o Sr. Robert Blake Byass, nascendo, assim, a Bodega González Byass.

A família González sempre se destacou por sua paixão pela vitivinicultura. Um dos netos do fundador escreveu o livro mais importante já editado sobre os vinhos de Jerez, intitulado “Jerez, Xeres, Sherry”, considerado ainda hoje, mais de 70 anos depois, a “Bíblia” de Jerez.

A família Byass se retirou da sociedade em 1988 e, desde então, o controle exclusivo da empresa passou às mãos dos descendentes diretos de Don Manuel Maria González.

González Byass tornou-se um dos mais poderosos e prestigiados grupos familiares produtores de vinho espanhol. Além de Jerez, também possui vinícolas em diversas outras regiões espanholas, como Rioja (Bodegas Beronia), Catalunha (Vilarnau), Toledo (Finca Constancia), Somontano (Viñas del Vero), Cadiz-Andaluzia (Finca Moncloa) e Galícia (Pazos de Lusco).

Não há dúvidas, contudo, que o vinho íconico do grupo é um certo Jerez, o mundialmente famoso Tio Pepe. Criado por volta de 1840 para homenagear aquele tio materno, importantíssima figura na vida do fundador, Tio Pepe foi a primeira marca formalmente registrada da Espanha. Hoje, está presente em mais de 110 países e, decerto, é uma das marcas mais famosas da Espanha.

Dentre os diversos prêmios conquistados ao longo de sua história, um merece destaque: a González Byass foi eleita a melhor produtora de vinhos da Espanha e a sexta melhor do mundo no ranking das “100 Melhores Vinícolas de 2014”, elaborado pelos jornalistas e escritores de vinho da WAWWJ (World Association of writers and journalists of wines and spirits).

www.gonzalezbyass.com

Palomino Fino

A uva Palomino, ou Palomino fino,é um tipo de uva da comunidade autônoma de Andaluzia, no sudoeste espanhol. A Casta é responsável pela fabricação do grande vinho Jerez, fortificado e com textura licorosa, sem dúvida um dos vinhos mais particulares e festejados da Espanha. Essa variedade de uva produz vinhos brancos neutros com baixa acidez e fortificados, com teor alcoólico ideal para degustação. Na região vinícola de Jerez, em Andaluzia, há mais de 10.000 hectares de vinhedos, nos quais predomina o cultivo da uva Palomino, que ganha esse nome em homenagem ao cavaleiro cristão Fernan Ibanez Palomino, o qual lutou na reconquista de terras após as investidas islâmicas anteriores à idade média. Historicamente, a uva estava restrita aos arredores de Sanlúcar de Barrameda, em Jerez, mas hoje é cultivada em toda Andaluzia. Essa variedade de uva tem bagos de pele fina e cachos mais longos, com cor verde amarelada. Esse tipo de uva tem formato circular, com tamanho médio. O fruto é suculento e, embora seja frágil, possui alta resistência a diversos parasitas. Devido a seu longo histórico de cultivo na região de Andaluzia, a uva Palomino adaptou-se muito bem ao solo, uma mistura de giz quebradiça com retenção de umidade, que produz excelentes vinhos fortificados (com adição de álcool) e bons conhaques. A fermentação ocorre sob a “flor”, protegendo a uva da oxidação e, portanto, da deterioração e escurecimento, além de conferir aromas únicos aos vinhos. A Organização Internacional da Vinha e do Vinho também reconhece essa variedade de uva pelo nome de Listán Blanco. A casta é cultivada na França, Portugal e México, e tem sido largamente utilizada na produção de vinhos fortificados, o que se deve a baixa acidez do bago. Fora da Espanha, a Palomino também é amplamente cultivada nas vinícolas da Califórnia, nos Estados Unidos e na África do Sul, onde é utilizada na produção de destilados de vinho. Aproveitada em menor escala na fabricação de vinhos brancos secos, a uva Palomino serve de base para a fabricação do rótulo Manzanilla de Sanlúcar, da região de Sanlúcar de Barrameda, município da província de Cádis, na região de Andaluzia.

Jerez

A região de Jerez, localizada ao sul da Espanha, é mundialmente conhecida pela produção de um dos vinhos mais famosos e prestigiados de todo o universo da vinicultura, o vinho de Jerez. Os vinhos fortificados de Jerez são realmente únicos e têm vários estilos, todos eles de grande aceitação e importância frente aos amantes de bons vinhos. O clima da Espanha é um dos grandes responsáveis pela alta qualidade dos vinhos que produz. Localizado entre o Oceano Atlântico e o Mar Mediterrâneo, o país é beneficiado pelo clima e solo peculiares, que divergem de uma região a outra, tornando possível a elaboração de vinhos com diferenças marcantes. Jerez, a área vinícola localizada na Andaluzia espanhola, possui duas variedades de uva cultivadas com maior predominância e destaque: a uva Palomino e a Pedro Ximénez, ambas utilizadas para a elaboração do famoso vinho de Jerez. A região espanhola de Jerez possui mais de 10 mil hectares de vinhedos, além de produzir mais de 87 milhões de litros de vinho anualmente. Conhecida pela excelente qualidade de seus vinhos, os exemplares elaborados na região encantam alguns dos paladares mais exigentes no mundo do vinho.

0 AVALIAÇÕES - 0.00 DE 5 ESTRELAS

  • Ótimo:

    0.0%

  • Muito bom:

    0.0%

  • Bom:

    0.0%

  • Não gostei:

    0.0%

  • Péssimo:

    0.0%

Avalie este produto:

Avaliar