Llama Bonarda Malbec Tinto 2015 354

Llama Bonarda Malbec Tinto 2015

Ref.: 354 Compra Segura

Llama Bonarda Malbec Old Wine

R$ 68,00 Em até 3x de R$ 22,67 sem juros

Escolha uma opção

Produto indisponível

Compartilhe

Llama Bonarda Malbec Old Wine

Vermelho escuro com tons violeta, com sabores de frutas vermelhas e geleia de cereja, com leve nota afumada, baunilha e carvalho café típico. O paladar tem uma entrada impressionante, com taninos doces e redondos de grande persistência no centro da boca.

Uva: 50% Bonarda e 50 % Malbec

Pais: Argentina

Cor: Vermelho escuro com tons violeta

Aroma: Sabores de frutas vermelhas e geleia de cereja, com leve nota afumada, baunilha e carvalho café típico.

Degustação: Vermelho escuro com tons violeta, com sabores de frutas vermelhas e geleia de cereja, com leve nota afumada, baunilha e carvalho café típico. O paladar tem uma entrada impressionante, com taninos doces e redondos de grande persistência no centro da boca. O paladar tem uma entrada impressionante, com taninos doces e redondos de grande persistência no centro da boca.

Teor alcoólico: 14,300%

Tinto

Blend

Bonarda

Uva da variedade Bonarda

A uva Bonarda Piemontesa, que historicamente era usada para deixar os taninos da casta Nebbiolo mais macios e conferir mais fruta aos vinhos mais duros do Piemonte, não tem relação com a uva Bonarda encontrada na Argentina.

Na verdade, a casta Bonarda argentina é a uva Douce Noire, originária da Saboia, na França.

Por ter características semelhantes à Bonarda Piemontesa, até na França se acreditava que a uva era originária do Piemonte, mas estudos de DNA mostraram que trata-se de uma variedade distinta de casta.

A uva Bonarda possui cachos bem cheios, compactos e médios. Com cor bem escura (preto azulado), os bagos da casta possuem polpa macia e formato de esfera.

A uva Bonarda, antigamente era utilizada somente em cortes, para propiciar maior equilíbrio na acidez dos tintos.

Hoje, já é possível achar varietais da casta ou bi-varietais, sendo muito utilizada na elaboração de vinhos com a casta Malbec e a uva Syrah.

Hoje, a casta existe em minúsculas quantidades na França e nos Estados Unidos, mas a Argentina conta com quase 19.000 hectares plantados, onde é identificada como Bonarda.

Os vinhos argentinos em geral são leves, frutados e fáceis de serem bebidos.

Alguns produtores elaboram vinhos com vinhas de baixos rendimentos e uvas colhidas mais maduras.

O resultado são vinhos profundos, com boa capacidade de envelhecimento.

É uma interessante alternativa à casta Malbec,

oferecendo um prazer mais imediato. Para acompanhar a degustação e apreciação das características e qualidades específicas que a casta Bonarda adiciona aos vinhos, os tintos devem ser harmonizados com refeições moderadamente condimentadas ou levemente apimentadas, exaltando o sabor e as peculiaridades da uva Bonarda utilizada na elaboração de vinhos tintos excelentes.

Utilizada na elaboração de excelentes vinhos, a uva Bonarda está presente no “Tikal Patriota 2012”, tinto produzido por Ernesto Catena.

O vinho tinto argentino recebeu 92 pontos de Robert Parker na safra de 2011. Constituído de 60% de casta Bonarda e 40% de uva Malbec, o vinho é elaborado com uvas de vinhedos bastante antigos, resultado em um vinho tinto complexo, concentrado, fino e exuberante.

O vinho apresenta excelente qualidade aliada com preço.

Malbec

Uva da variedade Malbec

Também conhecida como Auxerrois ou Côt Noir em sua terra natal, Cahors (região quente localizada no sudoeste da França), a uva Malbec é ainda hoje a grande estrela da região fazendo vinhos tintos interessantes, austeros, escuros, aromáticos e muito agradáveis, normalmente produzidos com corte de sua casta (mínimo 70%), sua prima Tannat e Merlot.

A uva Malbec possui cacho de tamanho médio com bagos em formato de esfera.

A casta apresenta polpa macia e cor preta azulada.

Os vinhos produzidos com a casta Malbec apresentam cor vermelho púrpura, sendo essa extremamente intensa.

A casta foi amplamente utilizada em Bordeaux, onde recebeu o nome de Malbec, até meados do século 20 (perdendo espaço para Merlot e Cabernet Franc).

Hoje, entra em proporções minoritárias em alguns cortes dessa região.

A casta Malbec alcançou sua grande consagração na Argentina, onde produz alguns vinhos tintos excelentes, muito ricos e concentrados, com um caráter macio e cheio de fruta.

Os grandes Malbec argentinos são criação de Nicolás Catena Zapata (produtor da região de Mendonza), que realizou a seleção clonal científica desta variedade nos anos 90, dando origem a exemplares bem mais finos, macios, concentrados, de qualidade muito superior aos rústicos vinhos que antes eram elaborados com ela.

A uva Malbec também pode ser encontrada na Itália, Chile, Austrália e outros países do Novo Mundo.

Os vinhos produzidos com a casta Malbec na Argentina são excelentes para harmonização com cogumelos, carré de cordeiro com crosta de ervas e pato confit.

Já os que contam com produção na terra natal da casta Malbec, Cahors, são ideais para serem degustados e apreciados na companhia de um cassoulet.

Argentino

Os vinhos argentinos têm chamado atenção de críticos e apreciadores da bebida.

O motivo? A Argentina é o quinto maior produtor de vinhos do mundo, além de ser a região vinícola de maior destaque e prestígio em toda América do Sul.

750 ml

Tamanho da garrafa 750 ml - Padrão

Produtos Relacionados

Castello Banfi Chianti Classico Tinto Blend 2012

R$ 169,90

3x de R$ 56,63 S/ JUROS

Punto Maximo Gran Reserva Malbec Tinto 2013

R$ 64,00

3x de R$ 21,33 S/ JUROS

Vistalba Corte C Blend Tinto 2012

R$ 109,90

3x de R$ 36,63 S/ JUROS

Chryseia Blend Tinto 2012

R$ 920,00

3x de R$ 306,67 S/ JUROS

Receba nossas ofertas e novidades