Vinho Português Catedral Dão Reserva Blend Tinto 2013 | Enoteca Brasil
Vinho Português Catedral Dão Reserva Blend Tinto 2013

Catedral Dão Reserva Blend Tinto 2013

Ref.: 197 Compra Segura

Vinho Português Catedral Dão Reserva Blend Tinto 2013

R$ 59,90 Em até 3x de R$ 19,97 sem juros

Escolha uma opção

Produto indisponível

Compartilhe

Vinho Português Catedral Dão Reserva Blend Tinto 2013

Origem: Portugal

Tipo: Tinto

Uva: Blend(Alfrocheiro 30%, Tinta Roriz 50% e Touriga Nacional 20% )

Teor Alcoólico: 13%

Harmonização: Estrogonofe e Bacalhau

Aroma: Aroma intenso de frutas vermelhas maduras com nuances de especiarias e grãos tostados.

Paladar: Em boca é frutado, macio e equilibrado.

Tinto

Alfrocheiro

Alfrocheiro

A uva Alfrocheiro é uma variedade tinta da região de Dão.

Considerada por enólogos uma fruta de excelente qualidade vínica, uma vez que possui cachos curtos, com tamanhos medianos e, geralmente, compactos.

Seus bagos apresentam alto teor de açúcar natural, o que auxilia na elaboração de vinhos com teor alcoólico elevado.

A Alfrocheiro também é reconhecida pelo nome de Tinta Bastardinha, uma nomenclatura reconhecida pela Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV).

Essa variedade de uva tem maior expressão na região de Dão devido ao clima seco e quente que a região apresenta, permitindo que a uva cresça livre de umidade.

Outras áreas, no entanto, não tão quentes e secas, também apresentam o cultivo da Alfrocheiro, entre elas, pode-se citar as regiões da Bairrada, Douro, Alentejo, Palmela e Tejo.

Apesar desse tipo de uva se mostrar vigoroso, a Alfrocheiro requer cuidados especiais durante seu cultivo e colheita.

O produtor precisa controlar a produtividade da uva por meio de podas programadas, a fim de manter seu aroma e sabor.

Por ser sensível e delicada, esse tipo de uva é cultivado por vinicultores experientes, que mantém as áreas verdes da videira livres dos ataques de fungos como o Plasmopara viticola.

Com coloração escura, a uva Alfrocheiro é utilizada na composição de vinhos de corte, adicionando cor aos exemplares criados.

Mas na região do Dão esta variedade dá origem, mais frequentemente, à vinhos varietais, que exploram todo o potencial dessa casta.

Os vinhos produzidos a partir da uva Alfrocheiro são vinhos ricos e extremamente frutados, que apresentam taninos equilibrados.

Já os aromas mais comuns são os frutíferos, advindos de frutas silvestres, como a amora e o morango.

Tinta Roriz

A uva tinta Roriz é uma casta originária da região do Douro, norte de Portugal, podendo ser comparada à Aragonês do Alentejo e à Tempranillo da Espanha. É uma uva com grande potência para a produção de bons vinhos, com corpo bem estruturado, aromas intensos lembrando frutas vermelhas e ameixas, de cor rubi violáceo, boa acidez, paladar complexo e muito agradável, além de álcool na quantidade certa. 

Mesmo sendo da casta que teve seu desenvolvimento no Alentejo e na Espanha, a Roriz carrega características personalizadas, sendo uma das indicadas para a produção do vinho do Porto. A uva tinta Roriz, quando seu vinho amadurece em carvalho, consegue notas de café, tabaco e de madeira, de uma forma discreta e sutil.

Touriga Nacional

Uva da variedade Touriga Nacional

Originária da região do Dão, esta casta é a mais célebre uva portuguesa da atualidade.

A Touriga Nacional também é bastante comum no Douro, onde aparece em vinhas velhas.

Apesar de existirem mais de 20 cepas utilizadas no corte dos exuberantes Vinhos do Porto, pode-se dizer que a Touriga Nacional é a de maior destaque, sendo a principal casta utilizada atualmente nos irreverentes e conhecidos tintos portugueses.

Por possuir baixa produtividade, a casta não era muito utilizada na elaboração de vinhos no começo do século XX, sendo preterida por outras uvas portuguesas com maior índice de produção.

Após alguns anos, especificamente no início da década de 80, a uva passou a ser reconhecida nacionalmente e internacionalmente, graças a exigência de conhecedores do mundo do vinho que começaram a observar a nobreza existente na casta, passando então a aumentar a qualidade da produção da Touriga Nacional, um dos maiores tesouros de Portugal.

Os bagos da Touriga Nacional são pequenos, ligeiramente achatados e possuem uma coloração forte, ficando entre os tons de azul escuro e o preto.

Graças a pele, de excelente espessura, os vinhos elaborados a partir da uva Touriga Nacional possuem cor bastante intensa e aromas bastante profundos.

A uva de baixa produtividade se adapta bem a diversas áreas, entretanto por possuir elevado vigor fisiológico, possui maturação intermediária e exige alguns cuidados específicos no processo de cultivo.

A casta Touriga Nacional é utilizada na elaboração de vinhos elegantes e com elevada complexidade, sendo excelentes opções de harmonização com carnes que possuam maior presença de gordura, já que a acidez presente nos tintos elaborados a partir da casta promove um equilíbrio e sensação extremamente agradável no paladar.

Possuindo aromas complexos e bastante notáveis, os tintos da casta podem ser apreciados e degustados também na companhia de pratos da culinária indiana, bastante famosos por levarem diversas especiarias e possuírem presença de coco, propiciando leveza e explosão de sabores no paladar.

Esta excelente cepa está no auge de sua fama e já se espalhou para as mais diversas regiões portuguesas e também para outros países, como Argentina, Austrália, Chile e África do Sul.

Seus vinhos são ricos e concentrados, de aromas muito característicos, com grande personalidade, muita estrutura tânica e coloração profunda.

Português

2013

Colheita das uvas durante o ano de 2013

750 ml

Tamanho da garrafa 750 ml - Padrão

Produtos Relacionados

Chacabuco Malbec Tinto safra 2015

R$ 59,92

3x de R$ 19,97 S/ JUROS

Casa Valduga Naturelle Rosé Blend 2018

R$ 54,90

3x de R$ 18,30 S/ JUROS

Aruma Malbec Tinto Safra 2013

R$ 149,90

3x de R$ 49,97 S/ JUROS

La Capra Shiraz Tinto safra 2010

R$ 136,00

3x de R$ 45,33 S/ JUROS

Receba nossas ofertas e novidades